RESENHA: A Maldição do Vencedor

04 outubro 2016

Título: A Maldição do Vencedor - Trilogia do Vencedor #1
Autora: Marie Rutkoski
Páginas: 328
Editora: Plataforma 21
Nota: 5/5
Sinopse: Kestrel quer ser dona do próprio destino. Alistar-se no Exército ou casar-se não fazem parte dos seus planos. Contrariando as vontades do pai - o poderoso general de Valória, reconhecido por liderar batalhas e conquistar outros povos -, a jovem insiste em sua rebeldia. Ironicamente, na busca pela própria liberdade, Kestrel acaba comprando um escravo em um leilão. O valor da compra chega a ser escandaloso, e mal sabe ela que esse ato impensado lhe custará muito mais do que moedas valorianas. O mistério em torno do escravo é hipnotizante. Os olhos de Arin escondem segredos profundos que, aos poucos, começam a emergir, mas há sempre algo que impede Kestrel de tocá-los. Dois povos inimigos, a guerra iminente e uma atração proibida... As origens que separam Kestrel de Arin são as mesmas que os obrigarão a lutarem juntos, mas por razões opostas. A Maldição do Vencedor é um verdadeiro triunfo lírico no universo das narrativas fantásticas. Com sua escrita poderosa, Marie Rutkoski constrói um épico de beleza indômita. Em um mundo dividido entre o desejo e a escolha, o dominador e o dominado, a razão e a emoção, de que lado você permanecerá? 
Avaliação:

Quando vi o lançamento desta obra, senti que precisava conhecer essa história, que promete um romance, um cenário distópico, elementos aristocráticos e o melhor? Um desfecho deslumbrante. A Maldição do Vencedor é tudo isso e muito mais. 


Kestrel é uma jovem filha do general de Valória, criada em mundo onde as conquistas militares são mais importantes que as demais profissões, o sonho do seu pai é que ela aliste ao exército. Kestrel no entanto, sente que não tem aptidão para isso, mas a outra alternativa é se casar, algo que ela também não tem em mente. 



“Minha alma é sua”, disse ele. “Você sabe disso.”

Um certo dia, enquanto jogava as escondidas nas ruas de Valória, Kestrel acaba se vendo no meio de um leilão. Encurralada pela multidão, ela acaba assistindo o espetáculo de má vontade, até que um escravo em questão lhe chama muito a atenção e quando percebe, Kestrel esta disputando lances altíssimos por ele. Ao conseguir levar o escravo para casa, uma mulher a aborda e diz que ela acabou recebendo: a maldição do vencedor.







Tal maldição, consiste em tornar uma coisa mais valiosa do que ela aparenta ser. Isso se deve ao fato de que, Kestrel sendo filha do general e logo uma pessoa importante, despertou o interesse das outras pessoas ao dar um lance por um escravo, que a princípio não tinha nada demais. No entanto, A levou todos ao despertar a atenção de Kestrel, levou todos a crer que aquele deveria ser um excelente escravo e por isso os lances aumentaram. 



"Não é isso que as histórias fazem? Transformam coisas reais em falsas e coisas falsas em reais?"



Mal sabia Kestrel, no entanto, que sua maldição custaria muito caro. Arin é um escravo incrivelmente intrigante. Habilidoso com armas, logo encontra seu ofício fazendo espadas. Além disso, Kestrel se vê cada vez mais hipnotizada pelo rapaz, levando-o em vários eventos sociais com ela e se encontrando as escondidas com o mesmo. Tudo muda, no entanto, quando eventos estranhos começam acontecer em Valória. Pessoas que antes eram confiáveis, começam a se tornar traidoras ou se suicidam. Kestrel acha tudo aquilo muito estranho, mas seu pai parece não lhe dar ouvidos. Mal sabia ela que em breve, uma difícil decisão estará em suas mãos e suas escolhas serão colocadas a prova.




Com personagens muito bem construídos, a trama seguiu uma narrativa leve, com capítulos curtos que instigam o leitor a continuar a história. Kestrel é uma jovem muito ousada, que não gosta de nada que lhe é imposto, além de não ligar muito para que os outros vão pensar. Já Arin tem todo um ar misterioso e sentimentos incrivelmente nobres. Os demais personagens também possuem um papel significativo e se encaixaram bem na trama.



"- Parece que alguém está sofrendo da maldição do vencedor. Kestrel se voltou para ela. - O que quer dizer? - Você não frequenta leilões, não é? A maldição do vencedor é quando você vence as ofertas, mas só pagando um preço exorbitante."


A escrita da autora fluí bem, além dos acontecimentos do livro conseguirem manter a atenção. Mais do que uma distopia, o livro apresenta um clima de guerras antigas, intrigas e romance. Este último, foi muito bem abordado por sinal. Elementos como o cenário e a vestimenta são o ponto alto do livro, além dos duelos que são impactantes. 






A obra é um trabalho do selo Plataforma 21, que caprichou muito nessa capa linda, que chama a atenção do leitor. A diagramação é excelente, simples mais adequada, mas o livro mantém um padrão elegante e as páginas são amareladas para facilitar a leitura. A Maldição do Vencedor se trata de uma trilogia, e o segundo volume será lançado ainda neste mês. A recomendação fica para os fãs de distopias e romances impossíveis.

21 comentários:

  1. Hey, Vivi!
    Eu fiz resenha desse livro ontem! kkk. Realmente, como não amar! Eu estou perdidamente apaixonada por essa história, e não vejo a hora de ler logo o segundo e descobrir o que vai acontecer com esses dois agora. Depois daquele final bombástico, não sei o que pensar!
    Adorei o modo como a autora descreveu e criou a personalidade de seus personagens. Kestrel é tão diferente de todas as mocinhas que já li! E Arin?! Ahhhhhhhhhh, Arin! kkk. Meu novo crush literário.
    Adorei a resenha e estou mega feliz que tenha amado tanto quanto eu! *o*
    Mil beijokas linda!! entreumlivroe-outro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Adorei sua resenha e achei a história super interessante.
    Art of life and books.

    ResponderExcluir
  3. Amei essa capa, acho que quero Ler, mas so quando a editora lançar todas a trilogia. Minha ansiedade não deixa ler aos poucos

    ResponderExcluir
  4. A capa é linda, já havia visto esse lançamento, mas vou dizer viu? NUNCA PODERIA IMAGINAR que o enredo pudesse ser tão incrível! Uma pena ser uma série, isso me desestimula um pouco, pois estou cheia de série inacabadas na estante e são série maravilhosas, morro de medo de me encantar (e eu sei que vou só pela sinopse) e não ter como terminar a leitura. Vou ver como estão andando as edições e quem sabe eu encare a leitura em breve ;)

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bom?
    Não conhecia esse livro, a capa é realmente bem bonita, só aquela espada que estragou um pouco. A premissa parece ser bem interessante. No começo da resenha achei que era apenas um romance, mas percebi não ser só isso.
    Até mais!

    ResponderExcluir
  6. Oi, eu adorei a sua resenha, achei bem escrita e explicativa, mas mesmo assim, não consegui gostar do livro, me sentir conectada com os personagens, com a historia, ela não instigou a minha curiosidade, por isso, passo a dica.
    bjus

    ResponderExcluir
  7. Oiii Vivianne, tudo bem?
    Infelizmente dessa vez a obra em si não despertou meu interesse, não consigo me agradar de nenhuma parte da obra e nem o gênero trabalhado, mas parabéns pela resenha.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Já comecei a ficar com vontade de ler a partir dessa capa maravilhosa! A história também parece ser muito boa e instigante, e a sua resenha tá ótima, Vivianne. Tô jogando o nome do livro no Skoob pra adicionar na estante. Obrigada pela indicação <3

    ResponderExcluir
  9. Que capa linda e que resenha encantadora Vivi. Eu quero muito ler o livro e sentir essa energia boa que vc sentiu.

    beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bom?

    Parabéns pela resenha tão bem elaborada e essas fotos tão lindas. Adorei!
    Infelizmente esse gênero de livro não me agrada muito.

    Beijos:*
    treslivrolatras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. oie!
    Eu ainda não li o livro, mas estou bem curiosa para conferir esse lançamento. Sei que o segundo á saiu, então quero ler os dois em sequencia para não ter que esperar rsrs
    Muito bom!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  12. OOi!
    Primeiramente, QUE CAPA MARAVILHOSA!!!! Sério, só por ela eu já compraria. kkkkk
    Gostei bastante da premissa do livro, parece ser um livro bem envolvente com uma história repleta de mistérios. Fiquei bem curiosa em relação a ambientação do livro, e pelo que disse também iria amar a personalidade da protagonista.
    Dica anotada! Já adicionei ao skoob. kkk
    ótima resenha!
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  13. Esse livro tem uma capa sensacional e toooodo mundo fala suuuuper bem da história!
    Preciso ler o quanto antes.
    uresenha está incrível e me deixou ainda mais desesperada para ler!


    #Ana
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  14. Esse livro deve ser ótimo, estou até imaginando a leitura rsr. Penso que Kestrel deve ser o tipo de personagem literária que gosto, ousada mesmo, pois quando li A Mediadora gostei muito da principal, Suzannah Simon. Talvez essa me lembre ela. Ótima resenha. Beijo!

    ResponderExcluir
  15. Eu amei a capa mas confesso que estava achando que era apenas mais uma distopia.
    Ler sua resenha, ver sua empolgação nas linhas escritas e seus comentários que me fizeram pensar que, sim, o livro é muito mais do que uma distopia e merece uma chance.
    Fiquei curiosa com o que está acontecendo com as pessoas e qual a decisão que a personagem tem que tomar (embora já suspeite de uma ou duas possibilidades), e tem amor impossível????
    Preciso do livro para ontem!!!!
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  16. Não conhecia a obra e achei super interessante. Muito boa sua resenha. Só não curti muito a capa do livro, tô achando essas capas com mulheres de vestidos de época um pouco batidas, apesar de coerentes.

    Abraço;

    http://estantelivrainos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Fiquei completamente apaixonada pela capa desse livro, e pelo enredo também. Como que eu posso ter deixado passar um livro desse? Próxima leitura, com certeza!

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oiii!!!
    Eu já li esse livro e amei. A Kestrel é uma personagem diferenciada, não segue nenhum padrão e consegue sempre surpreender com suas atitudes. Estou ansiosa para ler a continuação.
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Olá
    essa capa é muito linda e o enredo está muito interessante apesar de não ser um gênero que tenho costume de ler, bela dica de leitura e bela resenha

    Beijos[
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Olá, já vi ínumeras resenhas sobre esse livro e até agora nenhuma negativa, realmente o livro parece estar conquistando os leitores de um jeito incrivel e eu acho isso ótimo, mas pena que o livro não faz muito meu gênero então eu não sinto vontade de lê-lo

    ResponderExcluir
  21. Hello! Tudo bem?
    Estou louca pra ler esse livro!!
    Comprei na Bienal e ouvi otimas recomendações, ja peguei logo o primeiro e o segundo haha.
    Adorei saber mais do livro aqui e so aumentou a vontade de começar a leitura logo.
    A capa está linda, a editora realmente caprichou bem.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir