RESENHA: It Ends With Us

01 dezembro 2016


Título: It Ends With Us
Autora: Colleen Hoover
Páginas: 386
Editora: Atria Books
Idioma: Inglês
Nota: 4/5

Sinopse:  Às vezes, a pessoa que ama você é a que mais te machuca. Lily nem sempre teve uma vida fácil, mas isso nunca a impediu de trabalhar duro para ter a vida que queria. Ela percorreu um longo caminho desde a pequena cidade no Maine, onde cresceu – terminou a faculdade, mudou-se para Boston, e começou seu próprio negócio. Então, quando ela se encanta por um lindo neurocirurgião chamado Ryle Kincaid, tudo na vida de Lily de repente parece quase bom demais para ser verdade. Ryle é assertivo, teimoso, talvez até um pouco arrogante. Ele também é sensível, brilhante, e tem uma queda enorme por Lily. E não fica nada mal de uniforme. Lily não consegue tirá-lo de sua cabeça. Mas a aversão completa de Ryle aos relacionamentos é preocupante. Mesmo enquanto Lily torna-se a exceção à sua regra de “não namoro”, é impossível não se perguntar o que o faz pensar assim em primeiro lugar. Conforme as perguntas sobre seu novo relacionamento começam a sufocá-la, assim como a vívida lembrança de Atlas Corrigan – seu primeiro amor e o link para o passado. Ele era sua alma gêmea, seu protetor. Quando Atlas de repente reaparece, tudo que Lily construiu com Ryle está ameaçado.
Colleen Hoover me conquistou desde do dia em que li Métrica, pois embora meu gênero favorito seja de fantasia, não conseguia me desgrudar das histórias dessa autora, que são sempre surpreendentes, além de nos prender do inicio ao fim. "It Ends With Us" ( tradução literal de "Isso termina com a gente"), foi lançado este ano nos USA e desde então, não resisti a não comprar o e-book na Amazon e conhecer mais uma das excelentes histórias da autora.

Neste livro somos apresentados a Lily Bloom, nossa narradora que teve uma infância conturbada, com um pai que batia na mãe, além de ter se apaixonado por um sem-teto na adolescência. Deixando o passado de lado, a jovem se mudou para Boston e tenta reconstruir sua vida por lá. E entre tantos caminhos inusitados, ela acaba conhecendo Riley, um médico residente em neurologia e que além de ser incrivelmente atraente, tem uma regra de nunca namorar, somente ter encontros casuais. 


Essa regra no entanto, acaba não valendo para Lily, que não aceita ficar com o rapaz nessas circunstâncias e logo ele decide ceder e começar um relacionamento com ela. O fato dos dois se aproximarem cada vez mais, é justamente porque Lily faz uma amizade com a irmã de Riley, Allyssa. Esta é casada com um milionário e para sobreviver ao tédio, resolve trabalhar para Lily na sua loja de flores.

O romance com Riley vai ficando cada vez mais sério e um certo dia, Lily resolve leva-lo para jantar junto com a sua mãe, a fim de que os dois possam se conhecer. Quando chegam ao restaurante, Lily quase desmaia de susto quando encontra Atlas, o jovem "sem-teto" do seu passado, ao qual ela amou muito e agora está bem ali próximo dela. Confusa com os sentimentos, já que Lily agora tem Riley, ela resolve ficar com o médico e seguir em frente com a sua vida. 

"Não existe essa história de pessoas ruins. Nós todos somos apenas pessoas que ás vezes fazem coisas ruins".

As coisas mudam, no entanto, quando Riley começa a mostrar sinais de agressividade e mesmo amando muito o rapaz, tudo que Lily não quer é se tornar sua mãe, que aguentou durantes anos ser espancada. Além disso, Riley tem um passado bem complicado e que Lily só descobre depois. Em meio a tudo isso, Atlas aparece na vida dela, sempre que a jovem mais precisa, mas a vida é bem mais complicada do que uma simples decisão.


Com um ritmo de leitura alucinante, a história nos deixa vidrados com todo o drama e reviravoltas da vida de Lily. É impossível não ficar tocada com a história, que mais do que um romance, é também uma forma que a autora encontrou de falar sobre violência doméstica, tema muito delicado, ao qual é apresentado aqui sob a perspectiva da mulher agredida. Foi impossível não levar valiosas lições para vida e confesso que quando terminei a leitura, dei um grande suspiro com toda a carga emocional envolvida.

"Todos os seres humanos cometem erros. O que determina o caráter de uma pessoa não são os erros que cometemos. É como nós levamos esses erros e os transformamos em lições em vez de desculpas".

Os personagens são muito bem construídos, Lily é uma jovem inteligente e que tenta ser sempre otimista, mas foi muito racional em várias decisões, o que admirei muito na personagem. Riley é encantador quando não mostra seu lado obscuro e confesso que senti pena dele, ao entender melhor o seu passado. Já Allyssa é uma das melhores personagens, divertida e uma verdadeira amiga para Lily. Atlas, é maravilhoso e infelizmente o livro só pecou, em não apresentar mais sobre a vida do personagem. Senti que a presença dele, foi deixada de lado, o que foi uma pena, pois ele merecia ter uma participação melhor no livro. 


O desfecho é lindo e digno de suspiros, mas continuo pensando que faltou algo mais...embora o foco da autora, tenha sido tratar da violência doméstica e como as pessoas que estão de fora, não conseguem compreender com exatidão qual a realidade vivida naquela situação. Ainda assim, é uma das histórias mais lindas e tocantes que já li da Colleen e recomendo fielmente para os fãs de New Adult, vocês vão se encantar e refletir com esse livro.

"No futuro...se por algum milagre você alguma vez se encontrar na posição para se apaixonar novamente...se apaixone por mim."

A obra não foi lançada no Brasil ainda, mas como a Galera Record vem sendo responsável pelos livros da autora, acredito que em breve chegará nas livrarias brasileiras. Ainda assim, para aqueles que apreciam a leitura em inglês, o livro está disponível na Amazon, sendo um trabalho da Atria Books. 

23 comentários:

  1. Olá
    Essa é a primeira resenha que leio sobre esse livro e confesso que não queria ler não haha Deixa eu explicar, eu sou MUTIO fã da autora e gosto de ser surpreendida em suas obras. Mas aqui a ansiedade não conseguiu me segurar e já fiquei mais empolgada para conferir essa história. Estou na expectativa para que a Galera lance ele por aqui <3
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fer,

      Entendo você perfeitamente, também gosto muito dos livros da autora e acabo não resistindo e lendo em inglês. Acredito que a Galera deve lançar ele ano que vem e com certeza vou comprar o meu exemplar.

      Abraços!

      Excluir
  2. Nossa parece ser um livro ótimo, fiquei mega interessada e muuuuito curiosa com o desfecho, eu odeio quando resenhas me deixam assim hahaha e o melhor, gostaria que fosse meu primeiro livro lido em inglês, não posso relaxar nisso!

    ResponderExcluir
  3. Oi querida, como está?
    Novamente resenha de livro dessa autora. E de novo o texto me deixando com vontade de lê-la. Ainda mais quando se mexe em um tema como a violência doméstica, que, se bem explorado, pode render excelentes livros. Claro que lidar com isso na literatura nunca é fácil e pode-se cair na caricatura muito facilmente. Parece, porém, nesse caso, que a Coleen conseguiu fazer algo bonito e marcante.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://rillismo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Colleen Hoover é uma das minhas autoras favoritas e este livro aqui está na minha lista de leitura desde o lançamento, mas ainda estou esperando a publicação aqui no Brasil e torcendo para que não demore. Pelas suas descrições, já gostei da Lily, de cara!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi, Viviane!

    Eu sou apaixonada nessa Colleen! Pretendo lê-lo com toda a certeza quando for publicado aqui no Brasil! Suas impressões sobre o livro foram uma maravilha, só me deixaram mais curiosa e ansiosa para fazer a leitura! Obrigada pela dica, está anotadíssima!

    Sucesso com o blog sempre!
    Beijos, Belle.
    floraliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá amore,
    Adorei o blog, parabéns, parece algo bem profissional e bem feito.
    Não conhecia o livro até então, mas gostei já de cara.
    Também amooo Fantasia. Adorei a resenha os quotes selecionados são muito coerentes.
    Um dia ainda vou ser que nem você, ler inglês OMGGG que chique rssrsrs
    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  7. A Coolen me conquistou também e todos os livros dela me arrancam suspiros sempre, esse ainda não li, mas pretendo ler em breve até porque é uma das promessas para ser lançado por editoras brasileiras. Sobre o faltar algo mais no final eu também entendo porque foi isso que eu senti no Métrica dela acredita?

    ResponderExcluir
  8. Olá Viviane!
    Menina, Colleen é Colleen e não tem jeito. Vi o nome dela no inicio da resenha e ja falei aqui: QUERO!
    A sua resenha está muito bem feita, parabéns! E achei interessante esse novo livro da Colleen virar para o lado mais polêmico, me deixou curiosa e tenho certeza que irá me comover como só ela tem esse dom

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  9. Oi Vivi, não li nada da autora ainda, mas gostei do enredo deste livro, ainda mais por ter a parte da violência doméstica. Acho muito positivo a protagonista não querer isto para sua vida, levando em conta o exemplo de sua mãe. Curiosa pelo desfecho da história.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Oi Vivianne, tudo bem?
    Recentemente pude conhecer a escrita da Colleen Hoover no livro Novembro, 9 e desde então, estou super ansiosa para conferir as outras obras dela. Essa resenha de cara já me deixou curiosa e eu achei super legal que a autora tenha trabalhado bem essa questão da violência doméstica. Adorei a premissa e apesar de não conhecer os personagens, já estou torcendo para a mocinha ficar com o Atlas e conseguir sair do relacionamento abusivo. Espero que a galera Record lance logo essa obra!

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  11. Oi!

    Eu sou a fã numero 1 de carteirinha da CoHo. Eu to de olho nesse livro e quero ler logo, acho até que vou ler em inglês mesmo. Adorei sua resenha e tenho certeza que vou me apaixonar pela história e pelos personagens, afinal, é CoHo né! Parabéns pela resenha!

    bjs :D

    ResponderExcluir
  12. Estou me tornando fã de Colleen apenas lendo a resenha de suas obras que tenho lido nos blogs, e é claro que o enredo desse livro tratando de um tema tão atual como a violência doméstica se torna algo necessário para que muitos leiam e conheçam esse problema que nos rodeia.

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?
    Eu sou apaixonada pelos livros dessa autora desde Métrica também e por isso fico animada com qualquer livro dela. Esse eu ainda não tinha lido nada sobre e por nao ler em inglês vou ter que esperar lançar aqui :/ Mas já sei que vou encontrar mais uma linda história. Gostei muito da premissa e mais ainda saber que a autora aborda a violência doméstica.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Eu também me apaixonei pela escrita da autora e ultimamente ando lendo tudo o que é dela hahaha Adorei saber que o desfecho é de dar suspiros, isso me deixa ainda mais animada para conferir essa obra, apesar de só ter em inglês por enquanto. Adorei a sua resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. Oie, tudo bem?? Não sou fã da autora como você, porque não é o meu gênero preferido, mas já li alguns livros e gostei da escrita dela. Também não curto e-book (me julguem kkkkkk), então só me resta esperar que seja lançado aqui logo né? E sobre o Atlas, achei que a participação dele na história seja menos superficial já que ele está envolvido diretamente com a protagonista. Será que vai ter continuação? Bjosss

    http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bom?
    Não conheço a escrita da autora, mas, se for começar a ler algum dos livros da mesma, seria por esse. Curto muito quando autores abordam temas polêmicos e necessários em seu livro, como a autora fez nesse. Tratar de violência doméstica e de certa forma das consequências psicológicas causadas em filhos que crescem nesse ambiente é algo que não costumamos encontrar tanto. Por tudo o que falou desse livro, da construção dos personagens já quero ler esse livro. Uma pena que ainda tenha faltado algo para te fazer compreender com exatidão aquela situação, mas, ainda assim quero conferir. Excelente resenha!


    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  17. Oii!!!
    Poxa, eu sou mega fã da Colleen, sabe!? Daquelas que lê até a lista de supermercado dela, caso ela publique. rsrs
    Eu fico ansiosa por todo lançamento dela. Eu gostei muito da premissa dessa história, o tema abordado é realmente muito importante. A violência doméstica deve mesmo ser tratada, para que tenhamos consciência mesmo. Espero que publiquem logo aqui no Brasil.
    Adorei a resenha, viu.

    Beijos!
    Jaqueline Silva - Meus Livros, Meu Mundo.

    ResponderExcluir
  18. Olá Viviane,
    Acho que você é a primeira pessoa que vejo elogiando esse livro, pois já vi umas resenhas mega negativas.
    Adorei conhecer suas impressões e saber que a história é linda e tocante. Acho que todos os livros da CoHo são assim, é como se ela tivesse o dom para escrever algo que marca o leitor, sabe?
    Fiquei intrigada para saber o que acontece com esses personagens, mas não vou tentar ler em inglês por enquanto.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  19. Oi! Eu sou apaixonada pelos livros da Colleen Hoover , eles nunca me decepcionam. Esse livro parece ótimo, ainda mais que reflete sobre um tema tão atual quanto violência doméstica. Sinto que vou gostar muito desse livro e espero que seja lançado logo no Brasil. Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não li nada da autora embora só veja críticas positivas sobre sua obra. Embora não seja um gênero que eu curta muito tenho curiosidade em conhecer a escrita da Colen.
    Achei bem legal o tema que ela avirdiy nesse livro mas como sou péssima em inglês vou ter que esperar ele ser traduzido.
    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    Já estava toda empolgada, mas quando você disse que o livro ainda não chegou ao Brasil fiquei magoada. Agora esperarei ansiosamente por esse livro, pois gostei da história e sensação que tenho é que realmente ficarei presa à leitura.
    Obrigada pela dica. Ficarei esperando o lançamento agora rsrs.
    Beijos.

    www.salaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  22. Oi Vivianne, tudo bem?
    Meudeus que livro é esse? eu sou louca pelas obras da Colleen e fiquei extremamente intrigada com a trama, com toda certeza irei correr comprar quando lançar por aqui. Amei conhecer mais dos personagens e dessa trama maravilhosa da autora!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir