RESENHA: O Velho Vestido de Noiva

08 fevereiro 2017


Título: O Velho Vestido de Noiva
Autora: Ana Ferrarezzi
Páginas: 224
Editora: Novo Século
Nota: 4/5
Livro: Cortesia da autora

Sinopse: Até onde os desdobramentos inesperados, ou aquelas curvas imprevistas em nossa vida, podem nos levar?Amélia se depara com uma devastadora notícia. Seu marido, o homem a quem se dedicou inteiramente durante trinta anos, pediu divórcio. Sem saber como prosseguir com sua vida, e aguardando que um milagre venha a direcioná-la, Amélia leva o seu vestido de noiva para uma reforma. Então, no meio do caminho, se depara com um desdobramento inesperado. A história de Amélia é intrigante, ela se constrói a partir da reforma de seu vestido de noiva. Mesmo deparando-se com um momento de difícil digestão na vida da personagem, o enredo dá aquele gostinho doce ao leitor.
Avaliação:

Conhecida por sua obra "Entre o Sol e a Lua" (que já possui resenha aqui no blog), Ana Ferrarezzi conquista uma nova parcela de leitores com seu livro "O Velho Vestido de Noiva" que não tem uma mocinha de 15 anos como protagonista, mas uma mulher que já viveu as alegrias e tristezas de um casamento que durou 30 anos.

A protagonista é Amélia, formada em arquitetura e artista plástica por hobbie, que vive constantemente se lembrando que passou dos 30 anos de idade e que não tem a beleza jovial que outrora tivera, a isso podemos atribuir seu ex-marido Murilo que sempre disse a ela que fizesse uma plástica, pois assim talvez recuperasse a beleza que teve. Enquanto Murilo secretamente vivia um caso extraconjugal com uma mulher muito mais jovem do que ela... 

"Ela era obrigada a ver, todos os dias, uma imagem fragmentada do que antes fora um belo rosto e um formidável corpo. O fato era que ela não se encaixava mais no modelo coletivo de beleza, e isso doía. Como doía!"

Amélia ao se ver passando por um processo de divórcio de um casamento praticamente de fachada (no qual havia mais de 10 anos em que o amor não prevalecia há muito tempo) decide reformar seu antigo vestido de noiva e (metaforicamente) a sua própria vida. Amélia vai a um atelier de costura onde trabalha a costureira indicada por Sandra, sua irmã, lá ela encontra a moça que procura e suas ajudantes e um homem de olhos verdes que depois não conseguiria tirar dos pensamentos.



O nome dele era Fábio e coincidentemente era irmão de Letícia, a costureira que lhe tinha sido indicada, além de ser dono do famoso bistrô La Nonna. Ele por sua vez não obtivera sucesso em ignorá-la de seus pensamentos, talvez porque ela tivesse esquecido o estimado broche que sua mãe a dera no dia de seu casamento ou por causa dos belos olhos de Amélia emoldurados por melancolia.




"Os olhos de Fábio a viam de uma forma que ela jamais imaginava ser vista por um homem. Estava nítido no olhar dele, seu desejo, e, de uma maneira louca, isso lhe bastava."




Amélia e Fábio voltam a se encontrar inesperadamente dias depois, quando ela após ter decidido não ficar com nenhum bem ou objeto que lembrasse seu casamento esbarra nele e acaba pedindo um emprego a ele. Nesse momento, a vida de Amélia começa de uma vez por todas a mudar...


Comecei a leitura por amar romances e moda noiva (confesso!). O enredo abre-se de forma casual, mostrando os conflitos psicológicos da protagonista e a saga do conserto do vestido de noiva de modo natural e fluido, sem forçar nenhuma situação. 



"Não tema o imprevisível, pois, na maioria das vezes, é apenas o desvio inesperado que encurta nosso caminho para a felicidade."


De modo geral, todos os personagens são fiéis à sua natureza. A protagonista é uma mulher madura, mas cheia de jovialidade e tão desprendida de bens materiais quanto apegada às memórias de sua mãe. Os personagens coadjuvantes e o antagonista não têm muitos diálogos, mas não chega a atrapalhar em nada a história.





O livro é merecidamente uma publicação sob o selo Talentos da Literatura Brasileira, possui diagramação impecável com direito a marcas d'água, textos metafóricos como divisores de capítulo e uma biografia singela com uma foto digna de capa de revistas.


"Imaginou o trabalho que a costureira teria para ressuscitar parte da beleza perdida com o tempo. Provavelmente seria obrigada a destruí-lo por completo para reformá-lo camada a camada. Mas não era exatamente isso que Amélia seria forçada a fazer com sua vida? Desconstruí-la e remontá-la ano a ano?"

26 comentários:

  1. Ahh eu gostei da sua resenha, gostei da ideia que passa do livro, o romance em si parece bem agradável. É um livro relativamente curto então eu leria sem dificuldades :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariana,
      O livro é um remédio para a tristeza e para o tédio, leve, divertido e fácil de ler. Leia sim!
      Beijo!

      Excluir
  2. Adorei o livro, gosto de historias assim. Tantos livros com protagonistas adolescentes que aundo apareve um mais experiente é um alento.
    Adorei a resenha!!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anastacia,
      Concordo com você, hoje encontrar uma protagonista que passou dos 15-20 anos é muito raro. E foi um alento para mim também, é bom ver a vida sob outros olhos.
      Beijo!

      Excluir
  3. Bela resenha! Nada sabia sobre esse livro, mas me encantei com a perspectiva de conhecer Amélia e vê-la reencontrar sua chance de ser feliz. Uma pena que seu casamento acabou, mas a vida sempre encontra meios para surpreender. E parece que não demorou muito, considerando que Amélia conheceu Fábio ao decidir mexer em seu velho vestido de noiva (rs). Gostei. Inusitado.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Francine,
      Inusitado é uma boa palavra para definir essa história, sai muito bem do comum e nos encanta com sua protagonista fora dos padrões. Ainda bem que gostou, aproveite e leia o livro. :)
      Beijo!

      Excluir
  4. Oiii Lorena, tudo bem?
    Eu fiquei apaixonada pela sua resenha guria, eu sou louca para ler os livros da Ana sempre me encantam e essa edição está um lixo e parece ser uma história bem divertida.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Morgana (saudades de você!),
      Obrigada pelo elogio! Acho que a palavra que você quis usar foi luxo, o teclado às vezes nos trai. hehehe
      Beijo!

      Excluir
  5. Oi Lorena,
    Apesar de parecer ser um bom livro, a história não me conquistou.
    Fico feleiz em termos uma personagem mais Adulta e vivida.
    Beijos, André
    Garotos Perdidos || Participe do sorteio de 2 livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá André,
      Que pena que a história não te conquistou. Quem sabe da próxima, não?
      Beijo!

      Excluir
  6. Olá linda,

    Ameiii essa capa e fiquei encantada por ser uma obra metafórica, já que a personagem se chama Amélia que é um figura usada para falar de mulheres que ainda são dominadas pelos conceitos machistas.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Joanice,
      É uma obra com uma metáfora implícita, mas não se resume a isso. A protagonista sai de uma casamento, onde o seu nome era usado pejorativamente, para uma aventura de auto-descobrimento.
      Beijo!

      Excluir
  7. Confesso que pela capa não me atrairia o livro. Eu olharia e passaria reto. Mas a sinopse já começou a me prender. Lendo sua resenha então fiquei curiosa com a leitura. Irei colocar na lista.

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Karine,
      Que legal! Normalmente eu costumo dar chances para livros de romance, independente da capa, sou uma romântica incurável...Boa leitura!
      Beijo!

      Excluir
  8. Oie!
    Eu gostei de saber que o livro acontece sem ser forçado, deixando o leitor bem envolvido.
    Eu ainda não conhecia essa publicação, e agora estou curiosa para poder conferir e ter a oportunidade de saber tudo o que acontece.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carla,
      É um livro que instiga a curiosidade da leitura. Boa leitura!
      Beijo!

      Excluir
  9. Oi!
    Não conhecia esse livro ainda e nem a autora e devo dizer que achei o enredo escolhido bastante interessante. Parece ser uma obra que nos faz pensar na vida através de seus personagens e isso me deixou bastante curiosa.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Olá,

    Ultimamente estou lendo livros muito pesados, principalmente os da Darkside, creio que esse seria um livro perfeito para eu fazer a leitura, pois estou sendo muito carregado pelas leituras pesadas. Adiconei a obra na minha lista de desejados!

    http://desencaixados.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Desencaixados,
      Intercalar histórias mais pesadas e romances levinhos é supersaudável! Recomendo isso para todos que leem muito.
      Beijo!

      Excluir
  11. Olá!

    Não o conhecia, mas adorei a premissa! Apesar de não curtir muito moda noiva, esse livro parece ser bem interessante pra quem curte o gênero, além de parecer uma leitura leve pra quem quer sair da zona de conforto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kamila,
      O livro não é sobre moda noiva, apenas faz metáforas usando a reforma de um vestido de noiva da protagonista. Dê uma chance!
      Beijo!

      Excluir
  12. Ola, tudo bem?
    Awn, achei este livro muito interessante. Parece ser uma leitura rápida e fluida.
    Não conhecia este livro, obrigada pela dica. Amei a sua resenha!
    Beijos, Larissa (laoliphant.com.br)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Larissa,
      Obrigada pelo elogio. De fato a suas impressões estão corretas, o livro é de uma leitura rápida e fluida. Boa leitura!
      Beijo!

      Excluir
  13. Oii
    Gostei muito da premissa. Parece ser um livro muito bom!
    Vou dar uma chance quando tiver oportunidade!
    Bjus

    ResponderExcluir
  14. oie como vai?
    Então...pela sinopse o livro me passou uma ideia de que essa mulher dependia emocionalmente demais do marido, e isso com sua resenha não me mudou e me deixou desconfortável, compreendo que é dura a separação após anos, mas não acho saudável dramatizar demais isso como se fosse algo que tirasse dela o rumo da vida...não leria por causa disso.

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem?
    A capa chama a atenção, já que também adoro moda noiva haha assisto muito Say Yes to the dress que dá no Home and Health e adoro os vestidos que aparecem. Mas, parece ser muito drama pra mim :S
    Beijos <3

    ResponderExcluir