RESENHA: O Mendigo

01 março 2017

Título: O Mendigo
Autor: Carlos Santhyago
Páginas: 96
Editora: Sekhmet
Nota: 4/5
Livro: Cortesia da Editora
Sinopse: Quando tudo o que se precisa é uma boa conversa, a amizade que se tem com uma pessoa vai além da classe social ou cor da pele. Thomas Martins é um morador de rua, mais conhecido como mendigo por todos aqueles que por acaso o enxergam quando tiram os olhos dos próprios problemas. Edison Rocha é uma pessoa que para todos os padrões tem tudo menos aquilo necessário para que seja feliz.Quando um acontecimento faz com que esses dois se encontrem, a simplicidade de Thomas faz com que a Vida de Edison mude de uma forma que ele não esperava.Dentre tantos acontecimentos, essa história narra uma lição de vida para todos. Respeito aos mais velhos. Preconceito sem justificativa. A luta pelo que te faz feliz. E que nem sempre é o dinheiro ou os bens que se tem que definem a felicidade e sim, as pessoas que estão a sua volta e te fazem bem. Afinal, Uma amizade sincera vale muito mais do que qualquer bem material, porque a amizade e a sinceridade são duas jóias preciosas e raras.
Avaliação:

Comecei essa leitura de forma despretensiosa, imaginando um enredo totalmente diferente e quando comecei a leitura, me surpreendi muito com o que encontrei. Mais do que uma simples história, esse livro nos faz pensar sobre as pessoas boas que passam por nossas vidas, aquelas realmente iluminadas que sabem transformar nossos dias e mudar para sempre o seu destino.

Edison está se divertindo em um bar com os amigos, quando de repente aparece um homem mal vestido, carregando uma sacola e aparentemente se trata de um mendigo. Curioso Edison pergunta ao senhor o que ele tanto carrega nas sacolas e o que encontrou durante suas andanças, o mendigo com muita cortesia mostra todos os objetos que encontrou e se mostra ser muito educado e gentil. 

Surpreso com a forma como o homem se portava, parecendo ter um grau de intelecto bem maior do que aparenta, Edison se surpreende com o carisma do homem. Após conversarem um pouco, o Senhor diz que o seu nome é Thomas e ambos se despedem, deixando em Edison um sentimento de conforto e curiosidade, já que o levaria um homem aparentemente bem educado, a viver nas ruas?


Em uma noite de tempestade, enquanto caminha até o seu carro Edison acaba sofrendo uma queda e machucando o seu pé. No chão, Edison fica um pouco surpreso quando sente uma pessoa leva-lo para um abrigo, mas ainda um pouco confuso com a queda ele não consegue distinguir bem quem o ajuda. Em pouco tempo, além de ter um teto sobre a sua cabeça, Edison também tem uma sopa quente nas mãos e após algum tempo, finalmente reconhece Thomas, que tinha dado o seu único jantar a Edison. A partir dessa noite chuvosa, os dois começam a conversar e se tornam bons amigos, mas Edison só não esperava que essa amizade mudaria a sua vida.

Sabe, às vezes você tem bastante coisas e acaba esquecendo-se de quem tem menos que você. Eu não tenho nada, mas mesmo assim, sei que tem pessoas que tem menos que eu.

Como eu disse acima, comecei esse livro pensando que a narrativa era totalmente diferente e me surpreendi ao encontrar um enredo único, carregado de reflexões e que me fizeram sorrir a todo momento. Thomas além de ser muito sábio, transmite uma energia muito positiva através de suas palavras. Quando realmente descobrimos o motivo dele viver nas ruas, ficamos bem triste com a situação mas é mais incrível ainda a forma como ele superou e continua a sobreviver.


Em todo momento que realizei essa leitura, não pude deixar de me perguntar quantas pessoas igual ao Thomas encontramos na rua e muitas vezes não nos dignamos a saber o que elas passaram, não damos a eles nem um pouco de atenção, fingimos que não os enxergamos e muitas vezes julgamos erroneamente os motivos que os levaram ali. Além disso, a ajuda pode vir de quem você menos espera e por isso devemos tratar as pessoas da melhor forma que pudermos, ser altruísta é uma das mais altas virtudes.

Hoje você os ajudou. Eles irão lembrar do que você fez, não importa quanto tempo passe.

Recebi o livro em parceria com a Editora Sekhmet que está com um catálogo muito bonito e diversificado. Recebi o exemplar em ebook e quanto a diagramação está bela e condizente, encontrei pouquissimos erros ortográficos, mas nada que prejudicasse a leitura. O livro ainda está em pré venda, o preço é bem camarada e por isso recomendo muito a vocês todos darem uma chance a essa história, mais do que uma reflexão para vida é também uma forma de nos fazer abrir os olhos e enxergar o mundo sobre outra perspectiva. 

16 comentários:

  1. Nossa! Que história mais forte e bonita! Achei incrível o enredo e super original! Deve ser um livro tão lindo... Daqueles em que nos fazem refletir e ressignificar a vida, não é? Me interessei muito.

    ResponderExcluir
  2. Livros que nos fazem refletir sobre a realidade e a sociedade em que vivemos sempre mexem comigo. Como você disse, quantas pessoas encontramos na vida que são iguais ao Thomas e fingimos não ver... Já me conquistou!
    bjos

    ResponderExcluir
  3. Ah que história mais linda menina, realmente eu adoraria ter a oportunidade de ler um livro desses, pena que seja em formato e-book.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?
    Adorei a resenha, não conhecia o livro, mas me interessei super por ele.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Vivi.
    Gostei muito da história pela maneira como você falou dela. Adoro esse tipo de livro que pega a gente meio que de surpresa!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  6. Oie, nossa muito bom esses livros que nos fazem refletir nem que seja um pouquinho sobre a vida e nossa existência, não é mesmo.
    Gostei muito da dica.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Heiii, tudo bem?
    Gosto mto de conhecer novas obras literárias e ainda nao conhecia o livro O Mendigo
    A ideia do livro é interessante, desde a sinopse já me motivou a ler e conhecer mais.
    Muito boa a resenha, gostei do que falou do livro e acho que vou gostar tb como vc.
    Otima dica.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  8. Oi Viviane
    Adore sua dica. Confesso que o livro era desconhecido por mim, mas amei a premissa. Adoro livros que levantam reflexões sobre nosso modo de olhar nossos semelhantes, e acho que pelo jeito esse livro tem muitas reflexões. Adorei.

    ResponderExcluir
  9. Ola Vivi o livro retrata então bem de nossa realidade, muitas pessoas enxergamos só o exterior das pessoas, pelo visto o livro te surpreendeu de maneira positiva. Não conhecia o livro e já deixei a dica anotada. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
  10. Oie!
    Esse é um livro que vai me emocionar. Eu ainda não conhecia a história, mas fiquei bem empolgada com o que apontou na trama.
    bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  11. Aaaah que legal, que livro bacana, eu fiquei sentida com esse livro, parece ser cheio de emoção e ensinamentos! Adoraria ler e entender toda a reflexão envolvida na história! Adorei!

    MEMÓRIAS DE UMA LEITORA

    ResponderExcluir
  12. Nossa não sabia sobre esse livro mas ele parece ser bem reflexivo achei muito interessante suas opiniões sobre ele.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Oii Vivianne, tudo bem? É a primeira resenha que leio sobre esse livro, e parece ser mesmo uma narrativa bem reflexiva sobre amizade. Já anotei a dica. Ótimo post!
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá!

    Vi várias resenhas desse livro por aí e realmente é uma obra e tanto! Pretendo ler em breve, está muito bonita essa capa.

    ResponderExcluir
  15. Oie,
    Não costumo ler muitos livros que tenham esse foco de transmitir uma história tão bonita e que nos faça pensar tanto assim. Mas pela sua resenha vejo que o livro é bem interessante.

    Beijos
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  16. Olá! Li esse livro e amei! É tocante, sensível e emocionante. A história deles nos fazem tirar boas reflexões sobre nossa vida. Beijos!

    ResponderExcluir