ENTREVISTA: Adriano Silva - Autor de "Lugar Comum"

04 outubro 2017

Hoje quis fazer algo diferente , de falar de um livro de uma outra forma, e qual seria a melhor maneira senão conversando com o autor? Hoje apresento para vocês um pouco do Adriano Silva e sua obra Lugar Comum.


Titulo: Lugar Comum
Autor: Adriano Silva
Editora: Hope
Páginas:146
Sinopse:Lugar Comum é uma miscelânea de sentimentos expressados em linhas de contos, crônicas e poemas, onde o autor empresta de si e se conecta ao leitor a cada passagem de página. Por muitas vezes engraçado, envolvente, dramático e até mesmo sombrio. Adriano Silva viaja e leva o leitor consigo. Bagunce meus cabelos ... Olhe dentro dos meus olhos...Lance seu corpo sobre o meu corpo, entre sussurros solte - me palavras chulas...Ultraje - me . Diga que sou único, teu e somente teu..

1. Fale um pouco de você.

R: Primeiramente quero agradecer a oportunidade de falar um pouco sobre mim e minha obra “Lugar Comum’’. Me Chamo Adriano Silva e nasci em uma cidade pequena de Minas Gerais chamada Olaria, tive uma infância entre livros e férias no sítio e que me serviu como palco para criar a maioria das histórias em meus livros.

2. Quando você se viu autor?

R: Apenas depois de publicar ‘Lugar Comum’ aceitei que realmente era escritor, até então escrevia para mim mesmo, era uma forma de distração, de Hobby. 

3. Quando você decidiu publicar seus contos?

R: Na verdade, eu não pensava em publicação. Comecei a postar os textos no Facebook e tinha feedbacks positivos nos comentários e assim cheguei ao conhecimento de uma plataforma de textos gratuitos, o Wattpad, onde poderia divulgar o que escrevia e conhecer outros que partilhavam da mesma paixão. Foi assim, no Wattpad, que Jéssica Milato, dona da Editora Hope chegou até mim, leu meus textos e em um domingo à noite me convidou para publicar, em um primeiro momento foi um grande susto e apenas me vi realmente dentro do mundo literário após a publicação de ‘Lugar Comum’.


4. Quanto tempo levou para finalizar Lugar Comum?

R:‘Lugar Comum’ é um livro que levou 07 anos para ser finalizado, na verdade ele não era um livro, era apenas a reunião de 160 crônicas, contos e poemas, após o convite da Editora Hope dei um nome para a obra. O livro conta com 85 textos, os demais ficaram de fora por motivos de tornar a obra acessível e com um custo baixo para os leitores. Os demais contos que não entraram no livro estão sendo publicados no Wattpad com o nome de ‘Crônicas de Fábio’.
" O passeio de bicicleta com Fábio no domingo (que planejei coisas que não aconteceram ) fora cheio de acontecimentos inacreditáveis , e fiquei com muito medo de chegar aos trinta e cinco e ter as manias bizarras que esse meu amigo de longa data possuía. Enfim..."

5. Quais suas inspirações para escrever? 

R: Sou um leitor atento ao mundo à minha volta, consumo muita Literatura Nacional e Estrangeira. Autores como Caio Fernando Abreu, Cecília Meireles, Machado de Assis, Marcelo Rubens Paiva, Elizabeth Bishop, Danielle Still são grandes inspirações, além, claro, de observações cotidianas onde posso encontrar um terreno fértil para criar meus enredos. Amores não correspondidos, envelhecer, despedidas, frustrações... tudo se tornam histórias. 

"A vida num corpo , que antes forte , agora era frágil e a felicidade...Artificial."

6. Qual foi a sensação de ver seu livro esgotado? 

R: Fiquei assustado, juro! Ao lançar Lugar Comum nunca imaginei que seria um livro com vendas expressivas, então quando esgotou e o aviso de ‘’esgotado’’ ficou no site minha ficha caiu e pensei ‘’agora ficou sério’’. É indescritível a sensação. 

7. Algum autor iniciante já te pediu conselhos com a escrita?

R: Sim, isso ocorre muito, geralmente me enviam textos para ler, opinar, para ‘’Betar’’, conversar sobre o enredo e outras dúvidas sobre publicações. 



8. O que o leitor pode esperar de Lugar Comum? 

R:‘Lugar Comum’ é uma obra leve, com muitos sonhos, medos, frustrações, corações despedaçados e reconstruídos que trás aquele gostinho de infância e de bolo com café no fim de tarde, é um lugar comum de todos os sentimentos humanos, quem ler sempre irá se identificar com alguma passagem e trazer à tona boas recordações. 


Já viu alguém comer bolo e ficar triste? Depois que a gente envelhece ninguém mais senta pra comer bolo. Bolo tem sabor de amor, cheiro de alegria. Eu nunca vi , de verdade , alguém comer bolo e ficar triste. 

9. Projetos futuros? Pode nos dar um spoiler do que o Adriano Silva está planejando? 

R: Projetos sempre. No momento estou trabalhando em um Romance, trata-se de Blackout, um livro que irá mexer com o psicológico do leitor. May é uma jovem Negra, filha de Lena, uma mulher que foi estuprada por sete homens em Londres e que contaminada com o vírus HIV acaba falecendo no Brasil, na cidade de Alagoas. O enredo se inicia com May e sua bebida preferida, Absinto, no encalço das vítimas de sua mãe. Posso dizer que quem já conheceu os primeiros capítulos disponíveis no Wattpad tem feitos grandes elogios.



10. Deixe uma mensagem para os leitores.

R: Agradeço a cada leitor que leu e se emocionou com tudo que escrevo e que qual seja seu sonho, acredite sempre, nada é impossível ou difícil de mais para se conquistar. A magia acontece, basta acreditar!

"Tanta gente por aí e eu tinha que me apaixonar por você! Creio que não teria jeito mesmo.  Visite - me de surpresa no meio da madrugada, sem cueca, de bermuda ,camiseta e chinelos com flores vermelhas nas mãos e diga assim que abrir a porta 'Tava sem sono e vim dormir com você.."

22 comentários:

  1. Uau.

    Obrigado pelo carinho e a atenção à minha pessoa e obra.

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Poxa! Que edição mais linda e como sou fã de contos, crônicas e poemas, quero mto me emocionar com este livro.
    Parabéns ao blog por esta entrevista e que o autor alcance todo sucesso que realmente merece.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá, gostei da entrevista, e amei a capa do livro ele não é um livro que eu leria.pois eu não gosto do gênero

    ResponderExcluir
  4. Que demais! Eu não conhecia essa obra e adorei conhecer um pouco da trajetória do autor haha. Também fiquei curiosa para conferir esse novo projeto, parece conter uma história muito interessante e envolvente. Ótima entrevista, bjss!

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Primeiramente, que capa mais fofa, não conhecia o livro! Fiquei bem curiosa para ler "Lugar comum" e adorei conhecer o autor!

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Adorei a entrevista. Achei o livro muito bonito e curti bastante as referências que o autor busca para compor seus personagens. Só feras da literatura.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  7. Olá, eu não conhecia o autor nem o seu livro, mas achei a entrevista bem completa e gostei de conhecer um pouco sobre o Adriano.

    ResponderExcluir
  8. Que interessante, de hobby para profissão. E que bom, pois quem ganhou com isso fomos nós leitores. Adorei a entrevista e a chance de conhecer um pouco mais do autor.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Sempre bom conhecer melhor novos autores e suas histórias! O romance que ele está escrevendo parece ser ainda melhor!
    Bjos
    Por essas páginas

    ResponderExcluir
  10. Oi,
    Não conhecia autor nem livro muito legal saber que o livro dele fez tanto sucesso e que conseguiu uma editora assim na maioria das vezes essas coisas são bem complicadas. Enfim,infelizmente não sou muito ligada a poemas e crônicas mas desejo sucesso ao escritor.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oiii!!!

    Eu adoro conhecer novos autores e entrevistas são a melhor forma de se fazer isso.
    Gostei muito de conhecer mais do autor por aqui!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Adorei esse post de entrevista! Gosto desses quadros porque nos permite conhecer melhor os autores no modo bastidores. Eu ainda não o conhecia e nem sua obra, mas achei o livro muito fofo e com certeza vou querer ler!

    beijinhos!

    ResponderExcluir
  13. o autor é pura simpatia, a gente nota pelas respostas dele na entrevista... a capa do livro me lembrou uma rua de Recife *---*
    nunca tinha ouvido falar dele mas fiquei curiosa, que legal o livro ter esgotado, sinal de que o público amou o trabalho dele ^^
    sucesso...
    bjs...

    ResponderExcluir
  14. Olá!

    Uau, autor nacional com livro esgotado é raridade, que bacana! Não o conhecia, mas gostei de conhecer um pouco mais dele, e essa obra nova me chamou a atenção, espero que seja publicada o mais rápido possível.

    ResponderExcluir
  15. Olá! Que ótimo você compartilhar essa entrevista e podermos conhecer mais sobre o trabalho do autor. Desejo muito sucesso, bjo

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Ótima entrevista! Não conhecia o livro e achei a capa bem bonita!
    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Oi!
    Não conhecia o autor ainda e nem a sua obra mas achei bem legal poder saber um pouco sobre ele, sua obra e suas inspirações. Fiquei contente em saber que o livro dele esgotou e espero que o sucesso permaneça e cresça cada vez mais.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Oi, tudo bem?
    Gosto muito de ler entrevistas, pois assim dá para conhecer um pouco de um autor até então desconhecido, como foi o caso do Adriano. Bom, eu não costumo ler livros desse tipo com frequência, mas as vezes um chama a minha atenção e eu fiquei curiosa com essa obra, parece ser boa.

    Beijos :*

    ResponderExcluir